7 dicas para se aventurar em corridas no litoral do Paraná

Uma das atividades mais bacanas para se fazer no litoral do Paraná é participar dos eventos de corridas. Porém, é preciso ter em mente os cuidados que se devem ter ao decidir começar, principalmente se você é novato: nem sempre o corpo está prontamente preparado para uma aventura dessas.

O experiente corredor Francisco Antonio já participou de várias corridas em serras e litorais – tendo sido consagrado campeão geral da última edição da prova Morretes-Guaraqueçetuba e também da Ultramaratona da Serra do Mar. Quer saber quais os segredos dele?

Confira as 7 dicas de Francisco para tirar de letra todas as corridas no litoral:

ekg15ice1922

  1. Treinar o máximo possível sob o sol

Uma dica importante para todos os novos corredores é se preparar para as condições que irão passar na prova. Correr em litoral exige preparação do corpo para lidar com o sol – que pode cansar e esgotar o corredor mais rápido do que se pensa.

dsc01645

  1. Ingerir apenas o necessário de água e comida

Tanto nos treinos quanto no dia da corrida, é importante ter noção de que seu corpo deve estar preparado – e isso inclui não passar dos limites na ingestão de comida e água. Os novatos normalmente pensam o contrário: comem e bebem muito antes de começar e acabam passando mal durante a prova. O segredo, segundo Francisco, é conhecer seu corpo e ingerir “pouco”, ou seja, apenas o necessário para simular o que irá vivenciar na corrida.

msj15idmc9108-1

  1. Parar periodicamente para urinar

Segundo Francisco, é muito importante “forçar” o funcionamento dos rins durante a prova parando para urinar periodicamente, mesmo que a bexiga não esteja cheia. Isso ajuda o corpo a não perder a vitalidade e a continuar a atividade física.

msj15idmc1343

  1. Ingerir pílulas de sal e comida sólida de qualidade

Hidratar o corpo apenas com água, segundo Francisco, é lavar seu corpo de algo essencial para o funcionamento do próprio: o sal. Por isso, durante a prova, ele aconselha a ingestão de pílulas de sal e comida sólida de qualidade (como batatas cozidas ou fritas bem salgadas e uvas passas) – alimentos que possam fornecer energia imediata com baixo volume ingerido.

msj15idmc1338

  1. No caos, mentalizar pequenos trajetos, e não o caminho todo

Em momentos de desespero, é normal pirar pensando na extensão do trajeto todo até a chegada. Segundo Francisco, o segredo é a concentração: se estiver se sentindo muito nervoso, mentalize apenas o próximo quilômetro ou o trajeto até a próxima curva. E continue!

dsc01656

  1. Ter cautela com os desníveis acentuados do litoral

A Serra do Mar é conhecida por sua altimetria variável: muitas subidas e descidas acentuadas. O corredor precisa ter cuidado com as subidas, que demandam muito esforço, e com as descidas também, que são responsáveis pelos impactos exagerados nas articulações. O segredo é não esquecer que a corrida é longa – dosando o gasto de energia na subida e também a velocidade na descida.

clg15iut0314

  1. Não esquecer de curtir o visual

Correr na Serra do Mar significa fazer parte da maravilhosa paisagem. É importante não ficar preso só a corrida e também aproveitar a beleza deste cenário que poucos terão a oportunidade de apreciar!

Com essas dicas, você deve estar preparado para aproveitar uma corrida no litoral. Compartilhe esse texto com seus amigos e familiares e curtam a experiência juntos!

Gosta de aventuras? Confira neste post 7 trilhas para o explorar o litoral do Paraná.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s