5 ideias erradas que se tem do litoral do Paraná

Já ouviu aquele colega de trabalho falando mal do litoral? Ou até mesmo um familiar? Talvez até você já tenha pensado assim. Aqui, nós lançamos para cada ideia, um contraponto para servir de reflexão e, quem sabe, te mostrar que o litoral paranaense vale a pena em todos os quesitos!

Tá curioso? Confira, então, as falácias mais comuns e por quê elas podem ser contestadas:

ilha-do-mel-agua.gif
Foto por Priscila Forone
  1. “A água do litoral paranaense é suja”

Na verdade, o nosso litoral é aberto e de estuário – ou seja, de transição entre rio e mar –, o que significa que a água será, de fato, mais turva, mas não necessariamente suja. Água suja é uma concepção errônea que se tem pelo aspecto escuro que o litoral apresenta. O saneamento ambiental das nossas praias é realizado pela Sanepar e garante água tratada disponível para todos, rede coletora de esgoto sanitário e qualidade e segurança para os frequentadores dos balneários.

orla-inteira
Foto por Priscila Forone
  1. “O litoral do Paraná é muito pequeno”

A orla, comparada a dos outros litorais sulistas, pode até ser menor. São cerca de 100 quilômetros de praias mansas e bravas. Mas você já viu as belezas das nossas baías como um todo? Temos Ilha do Mel, Baía de Antonina, Guaraqueçaba, Guaratuba, Paranaguá… E isso ainda não colocando na mesa a beleza da Serra do Mar!

litoral-bonito
Foto por Priscila Forone
  1. “É o litoral mais feio do sul!”

Ok, se você leu a resposta anterior, já sabe que essa falácia aqui está pra lá de contestável. Mas vamos lá: de cima dos morros de Matinhos, você consegue ter uma vista deslumbrante de Caiobá, Praia Mansa e Guaratuba. Em Pontal do Sul, você pode pegar um barco e em 30 minutos chegar até a Ilha mais bonita de todo o sul: a Ilha do Mel. Em Antonina, além de conhecer todos os monumentos históricos do local, que são lindos, você ainda se depara com as mais belas cachoeiras. Em Morretes, o passeio de trem já te faz perceber o quão pequeno você é diante da natureza. Em Guaraqueçaba, além de poder visitar o Parque Nacional de Superagui, com uma cultura e cenários únicos, você ainda pode visitar a Reserva Natural Salto Morato, que te traz uma visão sem igual da mata e ainda mais de 320 espécies de aves. Tá bom pra você ou quer mais?

paraglider-fazer
Foto por Priscila Forone
  1. “Não tem nada pra fazer nesse litoral”

Podemos começar falando do voo de paraglider, no Morro do Boi (com 107 metros de altura), em Caiobá? Ou podemos, também, falar da super frequentada prática de rafting nos rios de Antonina. Não gostou? Que tal ver golfinhos e baleias na Baía dos Golfinhos, na Ilha do Mel? E visitar o Aquário de Paranaguá, com mais de 200 espécies e 23 tanques de água doce e salgada? Ou aprender sobre o cultivo de ostras no Sítio Sambaqui, em Guaratuba? Não é muito sua praia? Então você pode curtir, lá no Sambaqui mesmo, Stand-Up Paddle em toda a baía de Guaratuba. E ainda descobrir todas as espécies típicas de animais que se criam por ali. E isso tudo, sem contar, claro, com todas as trilhas iradas que você pode fazer por todo o litoral. Algumas das melhores estão em Morretes, no Parque Estadual do Pau Oco, e em Antonina, no Morro do Quitumbê. E para os que querem tranquilidade, ainda há as melhores pousadas disponíveis, como a Hakuna Matata, em Morretes, e a Pousada Orquídeas, na llha do Mel. E aí, parece entediante?

infra
Foto por Priscila Forone
  1. “O litoral não tem infra-estrutura”

O nosso litoral tem as melhores entradas de acesso: BR-277 e a BR-376, vindo de Santa Catarina e dobrando na PR-412. Além disso, temos o caminho da Estrada da Graciosa, que é lindo e um dos mais funcionais no percurso para o litoral: 3 mirantes, 50 churrasqueiras, vários quiosques de produtos típicos e um trajeto repleto de flores para apreciação. Chegando nas praias, estão disponíveis restaurantes de altíssima qualidade, que oferecem pratos típicos e inúmeras atividades de lazer. A Pousada Orquídeas, na Ilha do Mel, oferece uma variedade de pratos deliciosos, como o Spaghetti Orquídeas, compostos de frutos do mar fresquinhos. E o barreado de Morretes? Não dá pra deixar escapar: Empório do Largo e Casarão são alguns do que oferecem o prato. Já em questão de hotéis e pousadas, o litoral não fica pra trás: pousadas confortáveis e com vistas belíssimas (Bella Morretes, Hakuna Matata, Pousada Itiberê, Chalés SunShine), hotéis de qualidade (Nhundiaquara, Hotel Cabana Suíça, Camboa Hotel).

Com essas informações, você tem bagagem para fazer seus conhecidos refletirem – e verem que, na verdade, no litoral só falta vocês.

2 comentários sobre “5 ideias erradas que se tem do litoral do Paraná

  1. Nós adoramos o litoral paranaense! Especialmente Antonina e a praia de Shangri-lá . No litoral paranaense a gastronomia, particularmente de frutos do mar, é uma das melhores do país! Já viajamos por todo o litoral brasileiro e não há caranguejos,ostras,camarões,bacucu como os encontrados em nosso litoral. Estamos contando os dias para irmos ao Festival do Caranguejo!

    Curtido por 1 pessoa

    1. O litoral do Paraná é bonito por inteiro. Aguás limpas e quentinhas. A Orla é enorme. O que não merece bons comentários é o mato a beira mar. Tido como vegetação permanente, o mato cresce rapidamente e serve de refúgio para tarados, ladrões e drogados colocando em risco as pessoas que passam pelos carreiros até chegar ao mar além de que o mato esta virando uma grande lixeira a céu aberto podendo se ver de geladeira, fogão, cadeira a abosorvente jogados no mato e pior, não se permite fazer a manutenção (poda) porque é proibido. É uma vergonha. Se tivessem bom senço de substiruir o mato por uma vegetação bonita e rasteira certamente com quioskis e estacionamento (sem destruir), o nosso litoral seria ainda mais bonito e com certezxa atrairia ainda mais turistas mas não tem autoridade que possa peitar e resover este grande problema e quanto mais o tempo passa mais o mato toma conta de nossas praias.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s